.

.

.

.
Recebo-te com flores,
abraço-te em luzes,
entrego-te meus sonhos,
escritos e descritos
em cada frase sentida.

⊰Marcia Mattoso⊱

domingo, 10 de janeiro de 2010

ENXERGO


Enxergo através da alma.
Vejo no olhar o que se esconde,
o mistério, o medo, a dor,
a alegria, a vida, o amor.
Sou exatamente o que sua alma
consegue enxergar,
criatura plena, por vezes insegura,
porém, serena.
Nunca me limito,
tenho uma certa bravura
nas vontades, nas atitudes,
nas verdades, nas transparências.
Enxergo minha alma, minha vida,
em tudo, em mim.
Enxergo-te, enxergo-me em ti.

Marcia Mattoso 

Nenhum comentário:

.

.